Cyrtocarpa caatingae J.D. Mitch. & D.C. Daly

Árvore inerme, caducifólia, heliófila, dioica, resinífera, até 10 m de altura e 30 cm de DAP. Ritidoma cinzento ou escuro, irregularmente dividido e descamante. Folhas alternas, imparipinadas, pilosas na face inferior, com 7-13 folíolos de 2,5-4 x 2-2,5 cm. Madeira marrom-clara, moderadamente pesada. Inflorescências  terminais, pilosas ou glabras, com 6-8 cm de comprimento. Flores brancas a amarelo-claras, diclamídeas, pentâmeras, actinomorfas, unissexuais, com 5-6 mm de comprimento. Frutos elípsoides a subglobosos, monospermos; roxos, suculentos e adocicados quando maduros, com ± 2 x 1,5 cm. Sementes alojadas em endocarpo branco-amarelado, achatado, duro, de ± 10 x 7 mm, com uma abertura na base.

Ocorre nos estados da Bahia, Tocantins, Goiás e Minas Gerais. É pouco frequente e tem sido encontrada somente em florestas estacionais caducifólias associadas a afloramentos de calcário.

Perde as folhas na estação seca, floresce entre agosto e novembro e apresenta frutos maduros entre dezembro e fevereiro. As flores são frequentadas por insetos, com predominância de abelhas. Os frutos parecem ser dispersos por aves e morcegos.

Fornece madeira para apropriada para construções no meio rural e para confecção de móveis simples. As flores oferecem pólen e néctar aos seus visitantes. Os frutos servem de alimento para morcegos e diversas espécies de aves e de animais terrestres. A espécie é indicada para arborização urbana e para recomposição de áreas desmatadas.

É propagada por sementes, após a remoção da polpa e a limpeza do endocarpo do fruto.

Tem distribuição restrita no Cerrado, aonde vem subsistindo em fragmentos florestais pequenos, sujeitos a cortes de árvores, incêndios e invasão de gado. Figura na Lista Vermelha da Flora do Brasil (MMA, 2008) como um elemento com deficiência de dados para avaliação do status de conservação.

Superfície do ritidoma. Aurora do Tocantins (TO), 06-02-2018

Folhas adultas. Aurora do Tocantins (TO), 06-02-2018

Inflorescências e folhas novas. Aurora do Tocantins (TO), 09-10-2018

Frutos maduros. Aurora do Tocantins (TO), 06-02-2018

 LITERATURA
CNCFlora. 2017. Cyrtocarpa caatingae in Lista Vermelha da flora brasileira versão 2012.2 Centro Nacional de Conservação da Flora. Disponível em <http://cncflora.jbrj.gov.br/portal/pt-br/profile/Cyrtocarpa caatingae>. Acesso em 5 agosto 2017.

LUZ, C.L.S. & PIRANI, J.R. Anacardiaceae in Flora do Brasil 2020 em construção. Jardim Botânico do Rio de Janeiro.Disponível em: <http://reflora.jbrj.gov.br/reflora/floradobrasil/FB4388>. Acesso em: 11 Fev. 2018.

MITCHELL, J.D. & DALY, D.C. 1991. Cyrtocarpa Kunth (Anacardiaceae) in South America. Annals of the Missouri Botanical Garden, v.78, n.1, p.184-189.
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com