As Espécies

Descrições e Fotos

O levantamento realizado conforme a maneira descrita na Introdução deste trabalho levou ao registro de1130 espécies de árvores no Bioma Cerrado, pertencentes a 92 famílias de angiospermas e 01 de gimnosperma. Esse total de espécies corresponde a mais de 10% do montante de espécies de plantas vasculares até agora registradas nesse bioma.
Essas espécies estão focalizadas nesta seção por meio de posts contendo os seus nomes científicos e populares, a sua sinonímia científica, um conjunto de informações que contempla desde as suas descrições morfológicas até os seus status de conservação no Cerrado e as fotografias delas obtidas até o momento. Esta seção é, portanto, o cerne e a essência deste blog.
O primeiro passo no sentido de elaborar o conteúdo dos posts foi listar as espécies segundo as suas famílias e gêneros, tomando como base o sistema de classificação de ordens e famílias do The Angiosperm Philogeny Group: APG IV (2016). Em seguida, na lista resultante, as famílias e os gêneros e espécies a elas pertencentes foram organizados em ordem alfabética, para facilitar a visualização dos táxons e o acesso aos posts.
Na elaboração de tal conteúdo opção foi por textos sucintos, mas abrangentes, que: 1) começam com o nome científico atualmente empregado pelos taxonomistas empenhados na construção da Flora do Brasil 2020, os sinônimos mais relevantes desse nome e os nomes vulgares mais citados no meio popular e na literatura botânica cerradenses; 2) prosseguem com uma breve descrição dendrológica, baseada na literatura, em análises de material herborizado e em exames de espécimes vivos; 3) continuam com informações sobre distribuição geográfica, habitats, fenologia, biologia reprodutiva, usos atuais e potenciais, modos de multiplicação e status de conservação, extraídas da literatura e de realidades ainda não relatadas formalmente; e 4) terminam com as referências da literatura consultada para elaborá-los. Estas estão alocadas após as fotos.
As espécies foram identificadas no campo; em herbário, por comparação com exsicatas determinadas por especialistas; com auxílio de chaves de trabalhos de cunho taxonômico; e com apoio de taxonomistas que se entusiasmaram com o propósito do blog. As que não puderam ser identificadas até o nível específico, foram postadas pelo nome genérico, acompanhado da notação sp e seu número de ordem. Os desafios constituídos por essas espécies estão sendo gradativamente enfrentados e vencidos.
As fotos, com algumas exceções, foram feitas com câmera digital profissional. A maioria ainda vai passar por processos para remoção de ‘ruídos’, equalização e aprimoramento da qualidade.
Os consulentes poderão acessar o rol de espécies e o conteúdo dos posts de duas maneiras: a) clicando na sequência As Espécies > Nome/Ícone da família botânica e > Nome científico da espécie de interesse; ou b) clicando na lupa existente no lado direito do menu, inserindo o nome (científico ou vulgar) que deseja localizar e pressionando Enter.
O autor enfatiza que devido à natureza e à magnitude do trabalho ora apresentado, e ao dinamismo do conhecimento científico, o conteúdo deste blog estará sendo construído aos poucos e as informações nele inseridas estarão em constante atualização.

LITERATURA CITADA:

FLORA DO BRASIL 2020 EM CONSTRUÇÃO. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Disponível em:

http://floradobrasil.jbrj.gov.br.

THE ANGIOSPERM PHYLOGENY GROUP. 2016. An update of the Angiosperm Phylogeny Group Classification for the orders and families of flowering plants: APG IV. Botanical Journal of the Linnean Society, v.181, n.1, p.1–20.

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com